Novo Reajuste do Bolsa Família para 2021

Novo Reajuste do Bolsa Família para 2021

Muitas famílias contam com o valor do Bolsa Família para se sustentarem, pois esse é um benefício interessante que pode contribuir para uma boa estrutura financeira. Contudo, esse valor é alterado todo ano como qualquer coisa paga pelo governo. E neste texto, trataremos do reajuste Bolsa Família 2021.

Os valores de benefícios pagos pelo governo são reajustados anualmente de maneira a tornar o valor tão relevante quanto ele já foi, pois devido a inflação as coisas tendem a subir de preço de um ano para o outro. Como você pode perceber quando vai no mercado com R$ 50,00 e compra poucas coisas, e quando ía anos atrás com o mesmo valor comprava muito mais produtos.

Infelizmente, os produtos vão tendo seu preço elevado ano a ano, com isso é necessário que os valores sejam reajustados. Por isso, todo ano você ouve falar de um novo valor para o salário mínimo, por exemplo. Mas, são poucos os reajustes que têm o mesmo impacto que o reajuste Bolsa Família 2021 possui.

Por isso, nesse texto iremos tratar mais especificamente desse tema que é importante para muitas famílias e pode ser fundamental para um futuro melhor do nosso país. Lembrem-se que ajudar os mais pobres é fundamental para crescermos como uma nação saudável e próspera.

Conteúdo

Reajuste bolsa família 2021

Em 2021 é pretendido pelo Governo Federal que sejam ampliados os valores do Bolsa Família. Isso será feito através de um reajuste Bolsa Família 2021, anunciado pelo Ministro da Cidadania Onyx Lorenzoni, em uma entrevista.

Leia Também  Novos pagamentos Bolsa Família e migração para o Caixa Tem

É estimado atualmente que o valor médio recebido pelas pessoas beneficiadas pelo programa é de R$ 190,00. É esperado pelo governo que seja possível superar a marca de R$ 200,00 por mês para todos os beneficiários. O que seria uma marca bastante relevante, mas que corresponderia melhor à nossa realidade.

O ministro avisou que as propostas de mudanças foram enviadas para a Casa Civil, onde passará por uma análise dos demais ministérios que são envolvidos com o programa. Tendo como fevereiro a época ideal para ser proposto o novo Bolsa Família. Época em que vai ocorrer a eleição na Câmara.

O reajuste Bolsa Família 2021 pode fazer com que 14,3 milhões de famílias sejam beneficiadas pelo programa. Provando mais uma vez a grande importância desse projeto para o futuro do nosso país.

O que é Bolsa Família?

Em suma, o Bolsa Família é um programa que visa a transferência de renda direta para beneficiar as famílias que estão em situação de pobreza e a margem da miséria, em todo Brasil. Tendo assim como objetivo fazer com que essas pessoas possuam uma renda maior que lhe permita dar a volta por cima.

Tendo sido instituído em 2003 e se tornado lei em 2004, ou seja ainda no governo Lula. O programa tem beneficiado milhões de pessoas desde de então. E ajudado muitas delas a conseguirem se estruturar financeiramente para sair da situação em que estavam.

São vários os testemunhos de pessoas que graças ao programa conseguiram dar a volta por cima e chegar aonde estão agora. Contudo, ajustes são necessários em tudo na vida e em programas de auxílio financeiro isso não é diferente. Por isso, anualmente são feitas mudanças às vezes pequenas, outras grandes.

Leia Também  Bolsa família 2021 cancelado ou suspenso?

Como faço para me inscrever no Bolsa Família?

Saiba que não existe maneira de se inscrever online no Bolsa Família e se alguém afirmar ter saiba que possivelmente é um golpe. Então não caia nessa furada. Já tem sido especulada uma forma de realizar a inscrição de maneira online, contudo, nada foi aprovado ainda e deve ser bastante divulgado caso seja.

Além de falar sobre o reajuste Bolsa Família 2021, para se inscrever no programa você precisa visitar o Cras da sua cidade, portando os documentos solicitados, como:

  • Certidão de nascimento ou casamento;
  • Carteira de identidade (RG);
  • Carteira de trabalho;
  • CPF;
  • Título de eleitor;
  • Comprovante de residência;
  • Para menores de 16 anos, certidão de nascimento e declaração escolar.

Contudo, os documentos solicitados podem variar um pouco, conforme o local em que você mora. Então possivelmente você terá que fazer 2 viagens para conseguir terminar a sua inscrição no Bolsa Família.

Bolsa Família pago pelo Caixa Tem

Algo que não é um reajuste Bolsa Família 2021, mas uma mudança interessante e recente. É o pagamento do mesmo passar a ser feito através do aplicativo Caixa Tem, o que traz bastante facilidade para as pessoas não terem que ir mais até os locais receberem os valores.

A migração dos pagamentos para o Caixa Tem funcionaram da seguinte forma:

  • Em dezembro de 2020 os beneficiários inscritos com NIS finais 0 e 9, passaram a receber o valor no app;
  • Já em janeiro de 2021 são os inscritos com NIS finais 6, 7 e 8;
  • No mês de fevereiro de 2021 serão os inscritos com NIS finais 3, 4 e 5;
  • E por último, em março de 2021 os inscritos com NIS finais 1 e 2, além dos grupos populacionais específicos.
Leia Também  Telefone bolsa família 2021 para entrar em contato?

Assim todos passaram a receber pelo Caixa Tem. No entanto, quem quiser poderá pegar o valor, da mesma forma como fazia antes.